quinta-feira, 30 de abril de 2009


O verdadeiro sentimento do amor, não reside em fantasias como de uma forma geral as pessoas concebem. Abusam da palavra amor sem conhecerem ou sentirem o seu significado. Confundem relaçôes sexuais, com o fazer amor. O amor nada tem haver com essas relaçoes. O unico, e verdadeiro amor, realmente sentido, pode-se encontrar no amor de pai, ou de mâe perante o nascimento de um filho, assim como pela vida fora do mesmo. O real amor é dar-se sem procurar receber. (Nelson cravo)

3 comentários:

Lata disse...

Hi there,
greetings from Jakarta Indonesia :)
I become follower of you :)
nice to know ya'...
sorry bout my English, I know i'm not so good on that, but... whatever :)

happy blogging friend :)

Marcos Satoru Kawanami disse...

eu sempre discordei da expressão "fazer amor" no sentido de relação sexual ou em qualquer sentido.

amor é sentimento, e não se faz; sendo sentimento, amor a gente sente.

identifiquei-me com seu post, pois desde muito menino eu estranhava as pessoas que diziam "fazer amor", são pessoas que não crêem no sentimento, gente materialista influenciada pela pseudo-filosofia que prega ser Deus invenção do homem, e que reduz os sentimentos humanos a mero instinto.

paz e bem
marcos

Bubble Candy* disse...

Concordo plenamente. O verdadeiro amor é aquele que dá sem procurar receber...Aquele que sofre com a felicidade do outro, mas que por tanto o amar fica igualmente feliz.
Os teus ideais demonstram que és uma pessoa excepciona ;D

Beijo <3